segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Ecoando sonhos




Todos nós temos uma grande ferida que não deixamos ninguém ver ou tocar, mas de repente quando encontramos um remédio, temos que expor-la e então enquanto cuidam desse ferimento nos sentimos como se tivessem nos machucando mais, porque na realidade você deixou essa ferida infeccionar, você deixou aquilo se torna o seu ponto fraco... Você não cuidou daquilo... E dói ter que cuidar disso agora, porque na realidade você foi deixando isso de lado.

É compreensível, você só obedeceu ao aviso de “não se aproxime” enorme que tinha lá, mas você tem que ser forte, porque quando ela estiver tratada, cicatrizada, você não vai precisar mais esconde-la de ninguém, você vai ter a sua cicatriz, mas isso será uma boa lembrança, você cuidou de si mesmo, se deu uma chance de cura.

Não tenha medo de se curar, de mostrar suas feridas, todos nós estamos aqui machucados, cheios de magoas, tristezas, dores, remorsos, raiva, ódio, medo, arrependidos... Mas nós estamos aqui também para tratar disso, sempre existe uma salvação, não estamos perdidos.

Se você não encontrou o seu remédio, eu vou te contar um segredo... Você é seu único remédio. Não importa quantas pessoas você ama e que te amam, você é o responsável por suas decisões, você tem o seu livre arbítrio, então diga SIM, diga SIM para a vida, diga SIM, EU SOU A MINHA CURA!

As coisas vêm com o tempo, mas se você não se prepara como vai conseguir recebê-la? Uma pessoa não vai à sua casa se você não convidá-la, assim como você também não vai querer recebê-la se a sua casa estiver uma zona.

Você precisa arrumar o seu lar, e quando eu digo arrumar, quero dizer organizar a bagunça, jogar as coisas sem utilidade fora... Fazer uma faxina se assim é mais fácil.

Mas daí você sabe que não dá para fazer uma faxina desse porte de um dia para o outro, então comece agora e quando tudo estiver certo, as coisas vão acontecer.

Eu gosto muito de observa o céu à noite e ver as estrelas, existe uma magia nisso, porque muitas dessas estrelas estão mortas, mas a sua luz brilha até hoje. Então eu penso, se elas que morreram a milhares de anos ainda brilham, porque nós que estamos vivos não podemos brilhar?

Ir dormi e acorda no outro dia, essa é a beleza da vida, mesmo que o dia seguinte seja um dia pesado e triste, mas você luta, e é essa luta que te leva todos os dias para a sua cama e te faz dormi e acorda no outro dia. Você luta todos os dias para melhorar, ninguém guerreia todos os dias para nada.

Já olhou para o céu hoje? Já viu o sol? Já viu como o céu está azul? Isso não preenche um pedaço de você? Ele existe porque você precisa dele. Você precisa dele porque ele existe.

As estrelas ecoam a sua luz, ecoe os seus sonhos!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário