segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Poemas: Anônimo

"Eu parti e sinto muito,
Eu fui embora e sinto muito.
Não sei porque sinto tanto,
Mas eu sinto...
Sinto outras coisas também,
Estou mudando... 
Anônimo estou partindo,
Estou quebrando isso,
E eu sinto tanto,
Não estou pronta para ir,
Mas anônimo só... 
Me desculpe por deletar você.
É sempre um erro,
Mas se estou errando, é porque
Você é invisível.
Me desculpe preciso ir...
E mesmo assim, eu sinto tanto
Por ter que partir."

Nenhum comentário:

Postar um comentário